Esse é um experimento feito pelo Mario Amaya. Ele mostra como essas marcas se tornaram tão fortes que podem ser reconhecidas até com essas interferências absurdas.

até a próxima.

via cidade das logos