Wahhhh, hoje tive o prazer imenso de assistir o novo filme do Hulk, ver o verdão nessa nova empreitada literalmente me deixou sem folego.

Calma, não vá ao cinema achando que o filme é absurdamente foda, ele tem defeitos, pencas de defeitos, mas isso não tira o mérito do diretor nem dos atores.

Eu confesso que entrei meio desinformado no cinema, achando que esse filme seria na verdade, a continuação do primeiro, coisa muito longe da verdade, seria mais ou menos um jeito diferente de contar a mesma história. Logo de cara eles tem a bondade de fuder com a origem do personagem, dizendo que na verdade o Banner virou o Hulk testando uma droga nele mesmo, droga que por sinal seria uma tentativa do governo americano de produzir um super soldado @_@.

I mean, WTF?O cara se transformou no Hulk durante uma EXPLOSÃO, pelamor de deus, o que porra tem a ver o super soldado, era uma bomba GAMMA. Enfim, tirando isso, o filme começa na moral, o Bruce lá na rocinha, tirando uma de malandro com geral, aprendendo as técnicas místicas de auto controle levando tapas na cara com um paraíba muito doido.

SPARTAAAAAAAAAA!!!

Ai por um milagre do destino, o pessoal encontra ele lá na favela e fudeu geral, começa a perseguição e tudo mais.

Vale ressaltar, que olhando de um ponto mais, digamos, exigente, você vai encontrar milhares de falhas no roteiro, buracos imensos na história e os caralho, mas isso realmente importa?

Eu fico de cara com isso, o cara vai olha o cartaz, vê um gigante verde na capa, idade mínima de 10 anos, entra na sala e quer show de interpretação, roteiro perfeito, e cenas maravilhosas de intriga? NÃO PORRA, O CARA TEM QUE QUERER VER PORRADA! Sinceramente eu sou um grande fã do Edward Norton, mas ali pra mim pouco importava se o Didi Mocó fosse fazer o papel de Banner, eu queria ver o cara transformado caindo na porrada, o resto é resto.

Covarde, larga o escudo e vem x1 lá fora!

As cenas de batalha mataram a pau, todas elas, é só o Banner começar a ficar nervoso que eu já começava a me ajeitar na cadeira esperando o verdão aparecer e chutar traseiro de geral.

Pancada vai pancada vem, tempo para resolver algumas coisinhas, amassos na filha do general, foge pra lá foge pra cá, mesma coisa do mesmo filme, arrisco a dizer que a Arwen ficou bem parecida com a Betty dos gibis, toda cheia de ternura em uma hora, mas com um lado explosivo, nada a declarar. O general Ross ficou devendo um pouco, não estava mais tãooo obcecado pelo verdão, como deveria ser, o Abominável caiu de paraquedas na história toda e só fez render uma das lutas mais fodasticas da face da terra,o que é bastante coisa.

Em questão de CG, eu não tenho nada a reclamar, o atual Hulk da de 10 a 0 na outra versão, na versão antiga o Hulk, estava, digamos, fofinho, ele poderia parecer qualquer coisa, menos uma máquina de destruição incontrolável, a versão atual parece mais maligna, mais raivosa, pronta pra destruir tudo caso não deixem ele em paz.

Enfim, o filme não é perfeito, mas eu curti muito, dei pulos na cadeira vibrei, gritei, mandei o sinal do metal e as porra.

Enfim, nota 9

Agora algumas coisas que você deve ver.

Trailler:

Downloads:

The Incredible Hulk 2008(CAM)

The Hulk 2003(DVDRIP)

Hulk na Wikipédia