Categoria "Social"


Dêem carne para os malditos Pandas

Estava o Pluck lendo alguma revista, creio que a Veja, quando perguntou: Porquê eles não dão carne para os malditos Pandas? E então começou a nossa conversa, e é por isso que começamos o post de hoje justamente com o título: Dêem carne para os malditos Pandas

A revista que ele estava lendo e qualquer notícia que se veja na televisão sempre fala que os Pandas são mamíferos da ordem dos carnívoros mas que se alimentam quase exclusivamente de bambu. Eu não sei o que vocês acham disso, mas eu pessoalmente acho isso no mínimo muito estranho. Sendo da ordem dos carnívoros, eles possuem dentes e sistema digestivo próprio para o consumo de carne.

Em cativeiro sua dieta consiste 99,9% em bambu, cana-de-açúcar, mingau de arroz, biscoito especial rico em fibras, cenoura, maçã e batata-doce. Eles realmente esperam que um carnívoro viva bem comendo uma dieta vegetariana e rica em açucar? Isso para mim é loucura.

Sabe-se que o Panda também se alimenta de insetos, ovos e roedores. Eu gostaria de propor um estudo em que alimentassem um Panda com pelo menos 50% dessa dieta carnívora. E quero que vocês me respondam, o que vocês acham que aconteceria quando alimentamos um animal carnívoro com carne? Na minha opinião ele vai se comportar muito mais como o animal que ele deveria ser. E isso provavelmente iria incluir o fator reprodução que tanto falam mal.

O panda é um dos animais em maior risco de extinção do mundo, devido à dificuldade que este mamífero tem para se reproduzir. Somente 10% dos pandas em cativeiro conseguem cruzar naturalmente. Apenas 30% das fêmeas engravidam. Mais de 60% dos pandas cativos não demonstram qualquer desejo sexual.

Alimentem os Pandas com proteína e gordura animal e creio que veremos uma grande mudança em todos esses fatores.

Livro infantil alemão

Na minha faculdade foi aberta uma vasta discussão quando foi instituido que a TV deveria por “classificação etária” dos programas que ela iria exibir. Uns defendiam, outros discordavam, uns não tinham idéia formada e outros cagavam e andavam só queriam receber a presença e ir embora pra casa (três vivas pra o curso de publicidade).

Eu era do grupo dos que cagavam e andavam. Mas não por ser um aluno relapso… mas por achar que era uma discussão inútil. A tv no Brasil tem problemas muitos mais sérios, ao meu ver, que uma simples classificação etária.

Por exemplo, eu acho completamente insano achar um absurdo passar uma cena de sexo na sessão da tarde, por exemplo, enquanto programas vespertinos mostram gente morta, violência, polícia torcando tiro com a polícia, menina sendo jogada de janela, menino sendo arrastado pelo cinto de segurança do carro, adolescente morta por namorado e amiga baleada na cara…

Quer dizer que uma manifestação de amor entre dois seres da mesma raça é algo repugnante. Mas tiro na cabeça é algo aceitavel?

Sei… a indústria do medo que o diga.

Aí eu recebo um e-mail mostrando como é um livro infantil alemão. Sintam a completa diferença:

[a.jpg]

(mais…)

Chico Buarque fala sobre racismo.

Isso é tudo o que eu pensei sobre racismo no Brasil. Mas o Chico sabe explicar bem melhor que eu.

Agora que tem negro presidente, campeão de formula 1 etc etc etc… capaz de entrar na “moda” ser negro e ficarem orgulhosos disso…

até que a moda passe.

Três vivas à hipocrisia.

até a próxima.

Uso de Algemas

Ontem foi um dia interessante para a justiça brasileira, afinal ontem foi aprovada a súmula vinculante do STF que limita a utilização de algemas pelos policiais. Um grande avanço para o país, não é? Sim, realmente é, mas vejamos o que levou a essa aprovação tão rápida dessa súmula vinculante..ah, sim o escândalo onde vários poderosos do país foram algemados e levados para a delegacia. Isso sim virou notícia, não é? E as pessoas mais carentes que só pelo fato de serem suspeitas de algum ato ilícito logo são algemadas sem reclamar e se reclamaram levam uma pequena surra dos policiais? Bem, pelo jeito não era importante, afinal eles não tinham dinheiro para aparecer na mídia e causar tanto desconforto assim para o Governo.

Enfim, o uso das algemas já tinha que ter sido regulado há mais de 20 anos, pois lembremos que a Lei de Execução Penal é de 1984! Isso mesmo faça as contas..24 anos! E está bem explícito no artigo 199 da citada lei:

“Art. 199 – O emprego de algemas será disciplinado por decreto federal.”

Então, se isso já estava a tanto tempo disciplinado qual foi a razão da demora para que esse decreto demorasse tanto para ser publicado? Em minha opinião, o motivo foi que não estava doendo no bolso de ninguém, afinal era sempre os menos favorecidos que eram injustamente algemados, humilhados na frente de vizinhos e amigos, logo não tinha motivo para que eles se preocupassem de imediato com essa necessidade de regulamentar, de seguir o que realmente tem na formalidade.

Enfim, essa súmula foi aprovada e agora a algema só poderá ser usada:

1 – em casos de suspeita de fuga; ou

2 – de perigo à integridade física do próprio preso ou de terceiros;

E agora leiam a melhor parte dessa súmula:

e a autoridade policial terá que justificar por escrito o uso do instrumento”.

Limitando o poder policial? Isso é uma boa notícia, pois mostra que eles não são deuses como muitos se acham e esquecem sua verdadeira obrigação. Enfim, apenas para manter os leitores do uninuni informados sobre as novidades nas leis de nosso país, pois é tanta coisa que muda diariamente que se não nos atualizarmos ficaremos para trás, não é? Até a próxima!

Olimpíadas X Brasil

As Olimpíadas começaram e com elas o que mais acontece? Bem, eu vou explicar rapidamente o que acontece sempre que algum evento esportivo que envolva o Brasil existe: o completo esquecimento de qualquer problema social! Isso mesmo, a partir de agora tudo será esquecido juntamente com os dramas que o país tem que enfrentar e colocados em segundo plano, pois o que importa atualmente é se o país vai conseguir medalha no hipismo, na ginástica rítmica e será que Dayane dos Santos vai conseguir fazer sua rotina? Será que ela vai fazer seu salto sem cair?

Essas serão as preocupações dos brasileiros enquanto as Olimpíadas estiverem acontecendo. Não estou dizendo que é errado termos o lazer, de forma alguma, eu acho muito certo e extremamente válido a existência de um lazer, mas usar ele para simplesmente esquecer tudo o que tem acontecido? Isso é completamente e a absolutamente inaceitável! Vamos cair na real, quantos problemas com o tráfico o Brasil tem tido ultimamente? Muitos! Quantas mortes aconteceram no país? Um número considerável. Quantas pessoas estão passando fome e não sabem como irão sobreviver até o fim do mês? Nem vamos começar a fazer as contas! E com todos esses problemas o que é que está na mente do brasileiro? Se Ronaldinho Gaúcho fará muitos gols e se o Brasil trará o ouro dessas Olimpíadas.

Grandes preocupações, não acham? Esse é um dos motivos que faz o Brasil não ir para frente, afinal uma população com uma memória tão curta como a nossa, que se distrai com uma competição esportiva e acha que os problemas do país são menores apenas porque eles têm que assistir a um jogo de volleyball ou de futebol não poderá nunca evoluir. E é com um enorme pesar que eu falo isso, com um enorme pesar que admito que o Brasil fecha os olhos para muita coisa devido à competições esportivas.

Desse jeito, só posso pensar e pedir que aconteça alguma coisa que faça com que os brasileiros enxerguem a realidade, mesmo que seja o fato do Ronaldinho Gaúcho fazer um gol e dedicar para os meninos carentes que vivem em alguma favela. Bem, só nos resta esperar!

Christiane F.

Calma, calma..não vou fazer um post falando do clássico filme da década de 70, mas sim irei atualizar os leitores sobre a verdadeira Christiane que está viva e morando na Alemanha.
Bem, o que aconteceu é que a Chris, hoje com 46 anos, parece ter recaído novamente, ou seja, ela voltou às drogas segundo os jornais alemães. E esse fato tem sido confirmado, pois ela perdeu a guarda de seu filho de 11 anos e voltou a freqüentar lugares que são pontos de venda de droga além de retomar contato com várias pessoas da época em que se drogava muito.
Isso é uma pena, pois ela estava muito bem só que tinha muito medo de ter uma recaída e ao que parece aconteceu, no entanto só podemos desejar que ela consiga superar mais essa e volte a ter sua vida normal de volta, não é?

Preconceito: Uma realidade

Nos tempos atuais é até uma ofensa se ouvir que alguém foi impedido de realizar qualquer ato simplesmente por causa da cor de sua pele ou de sua raça, no entanto ainda é uma realidade que muitos brasileiros convivem diariamente. A sociedade aprendeu a classificar os cidadãos baseados na cor de sua pele o que é absolutamente inaceitável, uma vez que todo o mundo sofreu uma mudança só que a principal mudança não ocorreu que foi a mudança de pensamento!
É inaceitável termos que viver com a criação de uma lei específica para o preconceito já que temos uma Carta Constitucional tão clara onde diz que todos são iguais! É inaceitável ter que ver alguém não ser escolhido para desempenhar qualquer função só porque ele tem uma tonalidade de pele diferente, não concordam?

E para piorar temos um governo que cria medidas que acham que vão amenizar o preconceito, mas muito pelo contrário acabam fazendo com quê ele cresça e consuma ainda mais a mente das pessoas, pois como é que um sistema de cotas vai favorecer o fim do preconceito ou qualquer outro problema do país? Não há como, pois a partir do momento que criamos facilidades para determinadas pessoas baseados na cor da pele, estamos fazendo preconceito! Sim, estamos sendo preconceituosos, pois estamos afirmando que aquelas pessoas são menos capazes do que as outras que possuem certa tonalidade de pele. Só que o preconceito não acaba por aí, ele também se manifesta quando a opção sexual de alguém não é aquela que a sociedade elegeu como o comportamento padrão que todos devem seguir.
Agora me respondam: Se temos liberdade de expressão, qual a razão de olhar diferente para outras pessoas por usarem essa liberdade? Não é hipocrisia da nossa parte agir assim? Bem, eu acho que é e isso não vai mudar com medidas governamentais. A possibilidade disso mudar é partir de um processo de melhoria da cultura da população, um processo de aprendizado! Assim, poderemos chegar a aprender um pouco mais sobre o quê significa igualdade!

Para quem quiser ler um pouco mais eis o número da Lei do Preconceito: 7.716/89

União Estável: Relação Homoafetiva

O termo união estável é conhecido de praticamente todos nós, pois podemos não falar exatamente assim, mas sempre tem alguma indicação como, por exemplo, “juntar os trapos”. Bem, mas não é sobre a União Estável comum que eu irei decorrer nesse post e sim sobre outra União Estável que era ignorada pela sociedade: A União Estável na Relação Homoafetiva!

A sociedade evoluiu muito e hoje em dia o conceito de família mudou com ela, pois anteriormente a idéia de se construir uma família era simplesmente para fins de procriação, ou seja, dar continuidade à espécie. Por isso, enxergava-se que a família só poderia ser formada por duas pessoas do sexo oposto desse modo admitindo somente o casamento e reconhecendo a família de casais heterossexuais. Só que a evolução faz parte da humanidade e novos conceitos foram sendo tomados, formados e reavaliados e, baseados, nessa evolução é que está na hora do mundo começar a enxergar a existência e legitimidade da relação homoafetiva, pois não se pode mais fechar os olhos e agir como se isso não existisse, pois desse jeito seria também uma afronta a Lei Maior brasileira, nossa Constituição Federal:

Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:”

A Desembargadora do Rio Grande do Sul, Dra. Maria Berenice Dias, defende o reconhecimento da União Estável na Relação Homoafetiva com o argumento que o “afeto merece ser visto como uma realidade digna de tutela”. E ela está correta, pois hoje em dia o que une as pessoas não é o desejo de dar continuidade à raça humana e sim o afeto, a simples companhia, a cumplicidade. Isso é que deve ser visto como condição para se reconhecer uma família, uma união estável e, dessa forma, garantindo a legitimidade já clara da relação homoafetiva uma vez que se a igualdade é um de nossos Princípios Fundamentais, qual a razão de fecharmos os olhos para tal situação? Para essa realidade?

Os motivos devem ser vários, mas creio que os principais são o medo e a hipocrisia, dois fatores abundantes na nossa sociedade e que impedem muitas vezes que aconteça uma evolução que é muito necessária na sociedade, enfim esse discurso é para outro post, pois aqui estamos falando da Relação Homoafetiva. Bem, ela sendo pública, notória, tendo o AFETO, não há razão ou motivo para quê ela não seja reconhecida, não é? Pois bem, não irei me estender muito nesse primeiro post que é apenas a introdução de uma série que irei fazer aqui no UNINUNI.

Espero que tenham curtido e se gostaram comentem, pois é importante saber a opinião de vocês! See you!

Apenas um desabafo…

Recentemente constatei alguns fatos tão antigos como o próprio planeta, mas que sempre irão nos surpreender por mais que a gente já esteja escolado na vida e não importando quantas vezes a gente já tenha caído, pois sempre iremos nos surpreender como esses fatos podem ser reinventados e podem fazer com que todo um mundo desabe sobre nossos ombros.
Bem, irei explicar começando com uma simples frase: “FELICIDADE INCOMODA” isso mesmo pessoal, se você está feliz toma cuidado, pois sempre vai existir algumas milhares de pessoas que vão te desejar a maior felicidade do mundo, mas por trás..aiai..só rindo mesmo, basta escolherem um momento de fragilidade seu ou da pessoa que é sua companheira e o tiro é dado! Isso mesmo e lembrem que esse tiro pode vim de mais perto, de onde a gente menos espera e é aí que o jogo está armado, sabia? Pois como é que você sozinho poderá ir contra o comentário de pessoas que se dizem amigas, não é? Bem, você pode ir contra, demonstrando toda sua confiança e o poder que você sabe que possui e isso fará com quê esses invejosos aprendam que lidar contigo não é nenhuma facilidade. E nada do que eles falarem irá atrapalhar a felicidade que você encontrou.

No entanto nem sempre é fácil você fazer isso, pois teremos que lidar com uma mente que já foi muito maculada pela inveja e cobiça dos outros. Isso é o que acaba uma relação, isso é o que destrói tudo aquilo que foi construído e faz com que os sonhos que você se permitiu ter sejam perdidos mais uma vez no vento e você volte a ter medo de se entregar novamente, volte a ter medo de demonstrar que possui sentimentos e que no fundo você realmente não passa de um simples ser humano. É, a verdade dói bastante só que ela também nos faz crescer e nos mostra caminhos que achávamos impossíveis de atravessar e nos concede a força para superar e crescer com cada momento que acontece na nossa vida.

Isso nós aprendemos com o tempo, mas como eu já tinha dito, não importa quantas vezes você já passou por isso e superou, sabia? Sempre vai parecer como a primeira vez e você irá sofrer do mesmo jeito só que a diferença é que sua mente e seu espírito já estão preparados para esse tipo de coisa e você irá lutar com as armas que lhe foram dadas, pois as pessoas que adoram fazer esse tipo de fofoca querem apenas gritar mais alto, querem se sentir poderosas já que no fundo e no fundo sabem o quão são ocas! E sabe como você deve agir? Com toda a postura e classe que lhe for peculiar deixa a entender que se o diálogo que essa pessoa entende é a ironia, que ela fique ciente que nesse jogo e tipo de diálogo você é mestre! 😉

O Banner do Senado…

Não costumo fazer isto, mas vou basicamente “copiar e colar” aqui o texto do blog Contraditoruim.

————————————

Não vou falar mal do Projeto do Azeredo para o Senado anunciar aqui e pagar R$48.000 POR MÊS.

Eu não estou louco. Um banner como este aqui:

bannersenado

Vale R$48.000,00 por MÊS. Todo homem tem seu preço e R$48K no banco me deixariam muito feliz.

De onde veio isso? é o preço que o site www.paraiba.com.br cobrou, ou melhor, RECEBEU do Senado Federal, para expor o banner em sua homepage durante um ano. O contrato atual foi assinado 15/5/2008, mas não é o primeiro. Em 12/4/2007 assinaram um nos mesmos termos, mas custando apenas R$40.000,00 POR MÊS. Pelo visto os custos de manter sites online aumentaram bastante. Pena que não comunicaram ao Bluehost ou ao MediaTemple, onde tenho um servidor dedicado virtual de alta performance por US$500,00 por ano.

Vejam vocês mesmos:

Duvida? Photoshop? Os links estão aqui, para o primeiro contrato e o contrato atual.

Porem, em uma tentativa vã de apagar o passado no melhor estilo Orwelliano, alguém alterou o contrato removendo o termo “MENSAL” dos contratos. Mas o Cache do Google mantém os dados da página antiga.

Curioso é que o tal site é irrelevante. Segundo o Alexa ocupa uma posição de 208.667 no ranking. Se for comparar com outro site qualquer -o uninuni, por exemplo- que ocupa a posição 184.776 entre os sites mais vistos na Internet Mundial, a situação que já cheira mal passa a feder descaradamente. Vejam a diferença:


Notem que nem me dei ao trabalho de comparar com sites de verdade como o UOL, Folha, MeioBit, Estadão. Basta um reles blog para mostrar o quanto essa negociação cheira mal.

Definitivamente este país é uma VERGONHA.

O Blog de Aluguel deu uma pesquisada e descobriu que a empresa responsável pelo domínio paraiba.com.br também é responsável por:

domínio: correspondentejuridico.com.br
domínio: eduardomedeiros.com.br
domínio: efraimmorais.com.br
domínio: efraimorais.com.br

domínio: eradigital.com.br
domínio: falcoesdaserra.com.br
domínio: paraiba.com.br
domínio: ronaldocunhalima.com.br
domínio: william.com.br

Tirem suas próprias conclusões.

Via Contraditorium (com adaptações uninunescas)

——————————

Só para complementar.

Se você não sabe quem é Efraim Moraes, ele é filiado aos Democratas (Ex-PFL… que é Ex- Arena, partido que era único na dtadura militar, não que isso tenha importância) e senador pelo estado da Paraíba (dã) e é o atual 1º secretário do Senad. Sugeriu, em 2005, uma Emenda à Constituição sobre a publicidade das instituições públicas,

que limita a publicidade oficial ligada à personalidades públicas. O mais irônico é que, na justificativa do projeto, está escrito o que segue:

“Não deixa de ser revoltante a utilização de escassos recursos públicos em tal finalidade, em um país com tantas carências. A cada ano, aumenta o volume financeiro aplicado em ações de propaganda para divulgar as ações tomadas por diversas administrações, supostamente em favor da sociedade. Por certo, maior benefício social seria auferido se tais somas fossem diretamente aplicadas em serviços públicos essenciais como justiça, segurança, saúde e educação. Pior do que isso, todavia, é ver, como demonstram os escândalos recentes, que os contratos de publicidade são instrumentos utilizados para transferir benesses indevidas aos protegidos dos poderosos de plantão, para acobertar as transações – as mais escusas – entre agentes públicos e privados, drenando recursos públicos escassos que poderiam ter uso mais nobre.”

Foi desmascarado pelos internautas e pelo Google.

Viva a inclusão digital.

Até a próxima.


Administração - Login