Por isso crianças, lembrem-se sempre disso: “namorem sempre cabras…”

até a próxima